Le Metro

12 11 2009

Hoje foi um dia de trabalho, sem nada de especial para contar.

Por isso, vou falar do metro. Ontem experimentei o metro da linha 1 e o RER da linha A. O RER (Réseau Express Regional) é uma espécie de comboio suburbano que tem algumas paragens dentro da cidade, ou metro com poucas paragens que vai fora da coroa da cidade. O mais parecido em Portugal é o comboio da Ponte, sem bem que à proporção, o RER não iria tão longe quanto Setúbal.

A primeira impressão é que os metros estão em muito bom estado, tal como em Lisboa. Já os RER estão em muito mau estado, as carruagens estão todas marcadas com graffitis e coisas do estilo, nunca vi nada em tão mau estado em Portugal. Não sei se a razão é estes irem mais para a periferia do que os metros, mas não vejo outra razão.

Na linha 1 do metro estão a substituir a linha amarela (como temos nas nossas estações) por um sistema de portas que ambrem onde as das carruagens abrem.

DSC_1852 

Quando as portas das carruagens fecham, as portas da estação também fecham e é impossível alguém cair à linha. Por um lado é definitivamente mais seguro, mas tira completamente aquela emoção que é acertar no sítio onde a porta do metro vai parar.

Com estas medidas de segurança, não admira que a malta da France Telecom esteja descontente. Cada vez mais lhes dificultam a vida, ou a morte.

 

Beijinhos e abraços!

Anúncios

Acções

Information

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: