Clavier AZERTY

23 11 2009

O teclado AZERTY, oh la la. Dominar o teclado AZERTY é quase o mesmo que ser bilingue. Aqui em (na) França, para além de se falar outra língua, a disposição das teclas do teclado também são diferentes.

Para quem não conhece o bixo, aí vai um esquema:

800px-Azerty_fr_svg

 

O que chateia mais nem é a meia dúzia de letras que mudam de sítio.

O que chateia mais é todos os sinais de pontuação estarem em sítios diferentes. De vez em quando parece que voltei 20 anos atrás, com os olhos a percorrerem o teclado todo à procura de uma tecla.

Os números só estão disponíveis rapidamente no teclado numérico. Para usar os que estão nas teclas por cima das letras é necessário carregar no shift e na tecla.

O @ está no 0, em vez de estar no 2.

Para escrever um . é preciso carregar no shift + ; o que não é nada inteligente porque o . é muito mais utilizado que o ;.

Eles têm os ee logo com acentos, quando se carrega na nossa tecla 2, aparece um é. Quando se carrega no nosso 7, aparece um è. Como estou habituado a carregar na tecla do acento e depois na letra, volta e meia acontece-me carregar no “é” e no “e” a seguir. Sai um ée 🙂

Hoje descobri uma preciosidade. O Caps Lock também fica activo para as outras teclas. Ou seja, voltando ao exemplo do ponto, se o Caps Lock estiver activo e se carregar na tecla ; aparece um . Tal e qual como acontecia nas máquinas de escrever.

Uma coisa que me irrita bastante é o “undo”, estou tão habituado a fazer ctrl+z, que nem penso. Só que nestes teclados o z está onde está o w no QWERTY. Felzimente o x, o c e o v estão no sítio certo.

 

Para acabar uma foto do jantar. Já algum tempo que não fazia, aqui vai:

DSC_2188

Uma vez, pouco mais de 1.5m de amigo meu (Jorginho), explicou-me que o verdadeiro “produto do bom”, no que diz respeito a azeite, tinha que ser extraído a frio. Pois bem, eles aqui também são da mesma opinião:

DSC_1865

 

P.S. – 1.5m, mas 1.5m de grande qualidade.

 

Beijinhos e abraços!

Anúncios

Acções

Information

3 responses

23 11 2009
Tópai

Com a confuzão dos teclados, parece que tens de voltar a aprender.Ainda falando de teclados e já que as “imagens” tambem falam de alimentos,temos sempre um teclado, muito menos complicado, o de “porco preto”Bom apetite!!!BJS.

24 11 2009
Ritamãe

Tirando a probemática do teclado.
Não me importava de receber um convite para jantar, muito bom aspecto!Bjinhos

25 11 2009
Ana

Sabes que em cada país os teclados são mesmo diferentes. Se estiveres habituado a um português também te passas com um inglês. E com um espanhol, que para fazer um til em cima de um a é preciso carregar em Alt gr 5?! Porque para eles só há til em cima do n, mas isso é mesmo uma letra, não é um til.

Mas olha, para quem já conseguiu escrever facilmente (mas sem acentos) num teclado japones, qualquer coisa é melhor, até o AZERTY. Não és do tempo das máquinas de escrever, pois não?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: